Ateu aceita Jesus após ter visão do inferno: “Deus me tirou de lá”

  • 14/06/2024
Ateu aceita Jesus após ter visão do inferno: “Deus me tirou de lá”
Ateu aceita Jesus após ter visão do inferno: “Deus me tirou de lá” (Foto: Reprodução)

Apesar de crescer em um lar cristão, Frankie Fraley não acreditava em Deus e pensava que tudo era “apenas fantasia”. Depois de ser hospitalizado com Covid-19, ele teve uma experiência sobrenatural que o levou a reconhecer que Jesus é real.

“Eu caí por um longo caminho até bater no que parecia ser concreto. Você podia ouvir as pessoas gritando. E só me lembro de ter pensado: 'Acho que de alguma forma morri e agora estou no Inferno'”, disse ele à CBN News.

“É como se as piores coisas que poderiam ter acontecido com você nesta vida agora acontecessem todos os dias no Inferno. Não há esperança para amanhã. O sol não vai nascer novamente. Acabou. Esta é a sua casa agora, e você está absolutamente, completamente infeliz”, acrescentou.

Enquanto isso, sua esposa, Ashley, estava com medo de perder Frankie à medida que sua condição piorava. Ela, que também se identificava como ateia, se viu orando a um Deus em que não acreditava.

“Ouvir seu médico dizer que não havia muito que pudessem fazer por ele foi a coisa mais assustadora que já ouvi”, contou Ashley. 

E continuou: “Então, fui direto para o meu quarto, longe das crianças, e simplesmente caí de joelhos. Não consigo explicar o motivo, porque não acreditava em Jesus, mas senti no meu coração: 'Você precisa se voltar para Deus'. Eu disse: 'Deus, se você puder ajudá-lo, eu mudarei, por favor, ajude-o'”.

(Foto: Reprodução)
Ashley. (Foto: Reprodução/CBN News)

“Depois senti uma paz, que você nem consegue explicar, tomar conta de mim. Eu o ouvi dizer em meu coração: 'Você não precisa se preocupar. Eu vou curá-lo. Então, tudo fez sentido para mim. Ele é real. Essa é toda a prova que sempre quis na minha vida”, acrescentou.

Dias passaram e Frankie não estava melhorando, mas Ashley continuou orando e acreditando em sua cura. Antes disso, ela lutou contra a depressão e o abuso de substâncias químicas. Com a condição do marido, ela buscou ajuda de outros cristãos pedindo orações.

“O fato de eu ter conseguido pedir às pessoas que orassem por Frankie e de que elas estavam ajudando, foi como uma espécie de redenção do meu passado, como quando fui magoado pela igreja”, contou Ashley. 

“Parecia que Deus estava me mostrando: 'Este é o meu povo. Isso é o que eles deveriam fazer. E foi tão reconfortante, e as pessoas apareceram para nós de uma forma que eu nunca vi”, acrescentou.

Enquanto Ashley organizava uma corrente de orações, Frankie ainda estava “perdido no inferno”.

“Tudo que eu conseguia pensar era na minha esposa e nos meus filhos. Eu estava realmente preocupado que eles pudessem acabar aqui”, compartilhou Frankie.

E continuou: “Bem no meio de tudo isso, dessa angústia, senti que fui puxado para cima. Só lembro de subir muito rápido e é como se eu estivesse voando pelo espaço e depois parar. Foi Deus quem me tirou de lá. Foi um grande alívio. Finalmente, não preciso mais me perguntar: 'Existe um Deus? Isso é real?’. Sim, finalmente estou lá com Ele”. 

‘Deus é real’

De repente, a condição de Frankie melhorou. Uma vez acordado e com o ventilador pulmonar desligado, ele e Ashley contaram um ao outro sobre seus encontros com Deus.

“Ouvir o que Frankie experimentou foi ainda mais uma confirmação para mim de que Deus é real. Ele nos ama e se preocupa conosco. Deus mudou nós dois ao mesmo tempo”, disse Ashley.

“Ouvir ela reconhecer de alguma forma que Deus existia, me fez chorar. Fiquei muito feliz, não preciso cometer todos os mesmos erros estúpidos. Finalmente posso contar aos meus filhos sobre Deus”, acrescentou Frankie.

No mês seguinte, Frankie se recuperou totalmente e Ashley foi liberta da depressão e vícios. Desde então, eles começaram a orar juntos e a levar a família à igreja. 

(Foto: Reprodução)
Frankie e Ashley. (Foto: Reprodução/CBN News)

Agora, que conhecem a verdade sobre Deus, estão ansiosos para compartilhar seu testemunho com o mundo.

“Assim que consegui falar comecei a contar a qualquer pessoa que quisesse ouvir sobre Deus, sobre o que eu tinha visto. Não é sempre que você ouve falar de alguém que está tão longe e consegue uma segunda chance. Estou extremamente grato a Deus por estar aqui”, afirmou Frankie. 

“Estou muito grata a Deus por Ele ter nos permitido ter Frankie de volta. Acredito que minha família passou por isso porque o Senhor nos amou o suficiente para nos resgatar. Realmente me dá paz saber que não importa o que possa acontecer em nosso caminho, Deus está lá e está ouvindo nossas orações. Ele nos ama, cuida de nós e já cuidou de tudo”, concluiu Ashley.

FONTE: http://guiame.com.br/gospel/testemunhos/ateu-aceita-jesus-apos-ter-visao-do-inferno-deus-me-tirou-de-la.html


#Compartilhe

Aplicativos


Locutor no Ar

Anunciantes